Tsunami no Japão: uma história trágica difícil de ser esquecida - Brasil News

Brasil News

Toronto

Tsunami no Japão: uma história trágica difícil de ser esquecida

Toshiki Mori revela como foi conhecer de perto a tragédia do tsunami

que causou destruição no Japão sete anos atrás

 

O Doors Open Toronto não foi apenas uma oportunidade para conhecer a história de Toronto pelas construções históricas da cidade.

Na gigantesca programação de visitas para conhecer as belezas arquitetônicas de Toronto, o Doors Open Toronto manteve as portas da The Japan Foundation abertas,

Quem visitou a sede a fundação japonesa na Bloor St. East, conheceu a cultura do país também por meio de histórias infantis com personagens da cultura nipônica.

O contador de histórias que o público conheceu por lá foi Toshiki Mori. Mas o jovem de 27 anos de Fukushima compartilhou com o Brasil News uma história bem cruel de ser lembrada.

Fukushima foi uma das cidades atingidas pelo tremor de terra na sexta-feira de 11 de março de 2011. A cidade é vizinha de Ishinomaki – uma entre outras devastadas pelo tsunami provocado pelo terremoto que matou quase 30 mil pessoas.

Mori mostrou um lenço com marcas de óleo que poderiam ter sido de uma fábrica ou até mesmo oriundas de um motor de um dos carros arrastados pela águas e pelo lamaçal que se formou causando destruição em Ishinomaki. “Você pode imaginar como o tsunami foi terrível”, disse ele.

Segundo Mori, houve campanha para arrecadar donativos para as vítimas do tsunami e ele contou que teve a chance de conhecer de perto o cenário de destruição de Ishinomaki por meio de excursão até a cidade um ano após a tragédia.

 

Toshiki Mori guarda até hoje lenço com marcas de óleo de possível fábrica ou de motor de um dos muitos carros destruídos pelo tsunami em Ishinomaki.

 

“Em uma escola destruída pelo tsunami havia um relógio na parede marcando duas horas e quarenta e seis minutos da tarde, justamente o horário de quando tudo começou.”

Após o tsunami, muitos comerciantes procuraram recuperar produtos das lojas e artigos pessoais como kimonos.

A gravata borboleta usada por Mori nas apresentações no papel de contador de histórias para a fundação foi adquirida em lojas de Ishinomaki.

Segundo Mori, o tecido usado para a confecção da gravata borboleta poderá ter sido o mesmo dos kimonos de Ishinomaki.

“Eu não quero compartilhar a tristeza de como foi a tragédia, mas mostrar como eles conseguiram superar tudo’, disse Mori.

“As pessoas de Ishinomaki elas tem medo de serem esquecidas”, afirmou ele

Segundo Mori, o governo japonês nunca deu informação sobre a radiação na usina elétrica. “Talvez por que as pessoas podem entrar em pânico se eles falarem a verdade”, disse.

O terremoto foi o maior já registrado na história do japão. O mesmo provocou um terrível Tsunami com onda gigante que chegou atingir 10 metros de altura.

O tsunami varreu cidades inteiras, matando milhares de pessoas e destruindo tudo por onde passava. O prejuízo material ultrapassou bilhões de dólares. Até os dias de hoje, o Japão ainda tenta reconstruir áreas que foram destruídas.

 

 

 

 

To Top